Confederação do Desporto de Portugal
 
CDP Comunicação e Marketing Notícias Desporto FPAutomobilismoK Automobilismo - Autódromo Internacional do Algarve: Crise não afecta circuito algarvio

Automobilismo - Autódromo Internacional do Algarve: Crise não afecta circuito algarvio

Paulo Pinheiro afirma que a crise internacional até agora não afectou o Autódromo Internacional do Algarve, cujo sucesso não se deve ao preço praticado, porque até é um dos "circuitos mais caros da Europa".

"Até agora não nos tocou. Felizmente, tudo o que tínhamos programado está confirmado, não houve nenhuma desistência. Aliás, temos tido uma enorme procura em termos de reservas, até estamos com alguns problemas para conseguir dar resposta a tudo", disse à Agência Lusa o administrador da Parkalgar.

Se a crise económica e financeira internacional não tem atingido a nova infra-estrutura algarvia, inaugurada pela Parkalgar em Novembro do ano passado, Paulo Pinheiro considera que a razão da procura do autódromo não se deve ao factor preço.

"Nós, por aquilo que eu julgo saber, devemos ser dos circuitos mais caros da Europa neste momento. Porque achamos que é um produto de excelência, que é um circuito de primeira linha, acho que o preço é um indicativo desse nosso posicionamento", afirma.

Para Paulo Pinheiro, o segredo do sucesso do autódromo, que recebe testes oficiais de Fórmula 1 de segunda a quinta-feira - após McLaren e Toyota terem ocupado a pista sábado e hoje -, é o "conjunto de qualidades" que apresenta, ao nível do circuito e das infra-estruturas, bem como o clima algarvio.

O administrador da Parkalgar, que fez um investimento superior a 100 milhões de euros, considera que a seu favor está a "atenção" que a empresa proprietária do autódromo presta ao serviço e refere: "Vamos ver se continuamos a conseguir fazer a diferença por aí".

O sucesso também se mede pelas reservas feitas por equipas de Fórmula 1 para as próximas semanas: a McLaren vai filmar e testar no Algarve de 26 a 29 de Janeiro, a Williams estará no circuito de Portimão de 30 a 05 de Fevereiro e vai haver "mais 12 dias de testes durante os meses de Fevereiro e Março".

Sábado e hoje serviram para a McLaren e a Toyota fazerem o "shakedown" - "em que apenas fazem voltas para verificar se os carros funcionam" -, enquanto segunda-feira é o "primeiro dia de testes a sério" com as cinco equipas presentes no Algarve: Renault, Williams e Toro Rosso, além daquelas duas.

"Portanto, esses é que são os dias importantes. Vamos ver como é que tudo corre, em termos de segurança e de organização, mas a nossa expectativa é que não haja problemas e que os pilotos e as equipas saiam todos daqui satisfeitos", diz Paulo Pinheiro.

Para a emoção ser maior falta apenas a presença da Ferrari, que no sábado anunciou a sua ausência alegando previsões meteorológicas adversas, embora os mecânicos da escuderia italiana que chegaram a estar no autódromo tenham apresentado outra versão aos responsáveis do autódromo.

"Era engraçado ver a Ferrari logo com a McLaren neste primeiro embate, mas aparentemente tiveram alguns problemas com o carro. Não conseguiram deslocar os carros para cá - até os camiões já cá estavam -, portanto é algo que escapa completamente ao nosso controlo, não podemos fazer nada", afirma Paulo Pinheiro.

Mas a presença de cinco equipas, encabeçadas pela McLaren - "que é a grande pretendente ao título, juntamente com a Ferrari" -, faz o administrado da Parkalgar prever que "será interessante de ver" o que vai acontecer em pista ao longo dos quatro dias de testes.

Os testes vão ser cobertos por 200 jornalistas, havendo a possibilidade de este número aumentar com a chegada de alguns com credenciais permanentes para o Mundial, enquanto as cinco equipas têm um total de cerca de 700 pessoas no circuito.

O público, que paga bilhete, "não é uma coisa importante nestes testes", mas Paulo Pinheiro acredita que o circuito vai ter "entre 2.000 e 4.000 espectadores nestes dias".

Fonte: Lusa 18/01/2009

Parceiros Oficiais

Logótipo da Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto. Logótipo do Instituto Português do Desporto e Juventude. Logótipo da Câmara Municipal de Oeiras. Logótipo da Câmara Municipal de Oeiras. Logótipo dos Jogos Santa Casa.

Parceiros Comerciais

Logótipo da agência de viagens Cosmos. Logótipo da Sagres. Logótipo da Multicert. Logótipo da MDS.

Parceiros Comunicação

Logótipo da RTP. Logótipo do SAPO Desporto. Logótipo de "A Bola".
Este site utiliza cookies para ajudar a sua experiência de navegação. Ao navegar sem desativar os cookies, estará a concordar com a nossa política de cookies e com os nossos Termos, Condições e Política de Privacidade.