Confederação do Desporto de Portugal
 
CDP Comunicação e Marketing Notícias CDP Geral Tertúlia da Confederação debateu relação dos jornalistas com os responsáveis desportivos

Tertúlia da Confederação debateu relação dos jornalistas com os responsáveis desportivos

cdp Decorreu ontem, na Reitoria da Universidade de Lisboa, a segunda sessão do ciclo de debates “Tertúlias da Confederação”, com as presenças de António Florêncio, presidente da Associação de Jornalistas do Desporto (CNID) e de Vitor Serpa, director do jornal “A Bola”, que abordaram, com a moderação de Carlos Cardoso, presidente da CDP, o tema “A culpa é dos jornalistas!? – ou o debate sobre o relacionamento entre a Comunicação Social e os responsáveis desportivos”.
Os dois oradores recusaram a ideia de que o jornalismo desportivo seria um género menos nobre de informação, em tempos difundida, mas que os factos, sobretudo a aceitação pelo público do acompanhamento da actividade desportiva, vêm desmentindo.

Outra abordagem do debate centrou-se na cobertura dos grandes eventos internacionais, como é o caso dos Jogos Olímpicos. Foi afirmado pelos convidados da CDP que é da maior utilidade a preparação de todos os intervenientes para o contacto com os jornalistas dentro das diferentes lógicas de participação, pois enquanto há desportistas que participam nos Jogos Olímpicos apenas para fazerem o seu melhor e sabem que não poderão conquistar lugares cimeiros, outros competem para as medalhas e isso impõem diferentes níveis de passar para o exterior as ambições de cada participante. Na opinião de Vítor Serpa, se os jornalistas “devem fazer o trabalho de casa”, recolhendo o máximo de informação sobre os acontecimentos que irão cobrir, também os desportistas devem estar conscientes da necessidade de se apoiarem num plano comunicacional, o que tem faltado a representações portuguesas nalgumas competições internacionais.

A evolução futura da informação desportiva também centrou as atenções. Com alguns dos intervenientes a falaram do papel da Internet e da tendência para a valorização de uma abordagem jornalística na área do desporto que se aproxima da imprensa cor-de-rosa em detrimento de um maior tratamento informativo ou analítico. Vítor Serpa admitiu que cada vez mais a Internet é o veículo de transmissão do que está a acontecer e os jornais o meio de explicação e pormenorização do acontecimento. Na opinião do director de “A Bola”, não é certo ainda que o estilo de imprensa cor-de-rosa venha a triunfar na área do desporto; o que se passa actualmente é que dado o ambiente de grande emotividade em redor da competição desportiva é sentida a necessidade de introduzir rubricas e abordagens que permitam que um jornal respire e seja menos pesado e agressivo nos seus conteúdos.

Fonte: CDP 05/02/2009

Parceiros Oficiais

Logótipo da Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto. Logótipo do Instituto Português do Desporto e Juventude. Logótipo da Câmara Municipal de Oeiras. Logótipo da Câmara Municipal de Oeiras. Logótipo dos Jogos Santa Casa.

Parceiros Comerciais

Logótipo da agência de viagens Cosmos. Logótipo da Sagres. Logótipo da Multicert. Logótipo da MDS.

Parceiros Comunicação

Logótipo da RTP. Logótipo do SAPO Desporto. Logótipo de "A Bola".
Este site utiliza cookies para ajudar a sua experiência de navegação. Ao navegar sem desativar os cookies, estará a concordar com a nossa política de cookies e com os nossos Termos, Condições e Política de Privacidade.