Confederação do Desporto de Portugal
 
CDP Comunicação e Marketing Notícias CDP Geral Relatório de Atividades e Contas de 2021 da CDP aprovado por unanimidade

Relatório de Atividades e Contas de 2021 da CDP aprovado por unanimidade

O Auditório do Estádio Nacional do Jamor foi o local escolhido para receber a Assembleia Geral Ordinária da Confederação do Desporto de Portugal (CDP), que contou com a presença de perto de três dezenas de federações desportivas para analisar o Relatório de Atividades e Contas de 2021 e debater outros assuntos importantes para a comunidade desportiva.

O presidente da direção da CDP, Carlos Paula Cardoso, apresentou os pontos mais importantes do Relatório de Atividades e Contas de 2021, ainda marcado por muitas limitações derivadas da situação pandémica que Portugal atravessou. O documento foi aprovado por unanimidade pelas federações desportivas presentes, assim como o Parecer do Conselho Fiscal.

Ainda durante a reunião magna da Confederação do Desporto de Portugal, Carlos Paula Cardoso, deu conta dos trabalhos que estavam a ser feitos no âmbito da realização do Congresso Nacional do Desporto, que irá decorrer entre os dias 29 e 30 de abril, no Fórum Lisboa. De recordar que este evento pretende criar um momento informal que reúna atletas, treinadores e as respetivas federações, para discutir estratégias e projetos e com isso, promover um futuro melhor para o Desporto em Portugal.

Entre algumas sugestões dos presentes, destacou-se o desejo de realização de um plenário com a Ministra da Tutela e com o Secretário de Estado, de forma a retomar hábitos antigos em que se cruzam ideias e são apresentadas as intenções do governo e tornar esse momento anual.

Ainda no decorrer da reunião foi defendido pelas federações que o grande problema do Desporto é a verba que lhe é destinada estar fechada e depender única e exclusivamente das receitas dos Jogos Santa Casa, e que “o IPDJ tem mais dinheiro para distribuir”. Foi ainda ressalvado que “o desporto só sobrevive porque tem uma larga massa voluntária” e que esse facto alavanca toda a sua área de atuação. Para os presentes “o importante é aproveitar este momento e demonstrar à nova Ministra as verdadeiras necessidades do desporto e de que a verba é insuficiente”.

Por fim foram ainda feitas várias sugestões, tais como: a revisão da legislação do desporto que, neste momento, “está inteiramente desenhada em função do futebol”; a criação de um movimento entre federações para ser criada pressão no governo; realização de uma conferência de imprensa que chame a atenção para o problema que o sector enfrenta.



Fonte: CDP, 31/03/2022

Parceiros Oficiais

Logótipo da Secretaria de Estado da Juventude e do Desporto. Logótipo do Instituto Português do Desporto e Juventude. Logótipo da Câmara Municipal de Oeiras. Logótipo da Câmara Municipal de Oeiras. Logótipo dos Jogos Santa Casa.

Parceiros Comerciais

Logótipo da agência de viagens Cosmos. Logótipo da Sagres. Logótipo da Multicert. Logótipo da MDS.

Parceiros Comunicação

Logótipo da RTP. Logótipo do SAPO Desporto. Logótipo de "A Bola".
Este site utiliza cookies para ajudar a sua experiência de navegação. Ao navegar sem desativar os cookies, estará a concordar com a nossa política de cookies e com os nossos Termos, Condições e Política de Privacidade.